Entenda a diferença entre gestão orgânica e gestão de tráfego pago para seu site e redes sociais

Você trabalha com o meio digital? Então, este artigo é, provavelmente, útil para você e seu trabalho. Todos na internet estão buscando acessos, e o tráfego é o que torna um site e redes sociais lucrativos ou não. O tráfego é o conjunto de visitas e visualizações dos usuários no site e redes sociais. Ele mede sua popularidade e seu potencial. Este tráfego pode acontecer tanto de forma natural como de forma paga, por meio de investimento feito – e aí você se pergunta: qual a diferença entre os dois tipos de tráfego? Vale a pena pagar por tráfego on-line? Fique com a gente e descubra a resposta!

Diferença entre tráfego patrocinado (pago) e tráfego orgânico

– Tráfego orgânico: é o tráfego que acontece sem o incentivo financeiro, ou seja, de forma natural. Como quando um usuário acha seu site por mera busca pela internet, ao invés de achar por link de campanha paga. O Google e as redes sociais são ótimos meios de monitorar o tráfego.

– Tráfego patrocinado: são os acessos que são conseguidos por meio de anúncios pagos para serem exibidos, como Google Ads, Facebook Ads, Instagram Ads, entre outros.

Vantagens e desvantagens em investir em tráfego patrocinado

A principal vantagem em investir em tráfego patrocinado é a rapidez com a qual os acessos chegam no seu conteúdo. Por meio do investimento, mais e mais pessoas são direcionadas ao seu produto ou ao seu conteúdo.

Por outro lado, a desvantagem em patrocinar o tráfego do seu site está no valor que deve ser desembolsado que, por vezes, não se trata de um valor baixo. Além disso também se deve considerar que, embora o patrocínio de tráfego seja algo perfeitamente comerciável, há restrições: atividades que não permitem divulgação, como a advocacia, são impedidas de realizar este gênero de gestão de tráfego.

Como melhorar o tráfego orgânico?

A melhoria do tráfego orgânico exige uma estratégia adequada – sendo a mais utilizada hoje pelo mercado, o SEO (Search Engine Optimization, ou mesmo Otimização para os Mecanismos de Busca), pois por meio desta ferramenta um conteúdo passa a ter mais visibilidade. É importante, também, ter um bom relacionamento com sua base de lead.

Isto ocorre pois o Google tem diversos requisitos pelos quais submete um site para considerá-lo ou não um bom site, de forma que o SEO é uma estratégia para figurar melhor entre as buscas. Ou seja, o objetivo do SEO é, em pouco tempo, aumentar as visitas de um conteúdo por meio da otimização dos mecanismos de busca, sendo este um trabalho de longo prazo.

Como melhorar seu tráfego patrocinado?

Com o tráfego pago, as questões de qualidade do site são, de certa forma, colocadas em segundo plano e seu site é promovido para figurar entre os primeiros resultados de busca. A depender do formato do patrocínio, ele é capaz de redirecionar acessos de grandes conteudistas para o patrocinador.

É claro que isto também não quer dizer que o site não tenha que ser bom – uma vez que se o usuário é direcionado a um site ruim, ele não permanece e o dinheiro é desperdiçado. Dessa forma, para melhorar o tráfego patrocinado, é necessário tornar seu site bonito e funcional – para que as pessoas consigam acessá-lo e transmitam às demais. Além disso, são necessárias ações publicitárias que tornem seu site mais conhecido. Assim, ele figurará mais facilmente entre os mecanismos de busca.